Últimas Notícias:

19/05/15

INSTALAÇÕES OLÍMPICAS


O portal oficial do Governo Federal do Brasil divulgou um vídeo com os andamentos e avanços das obras das instalações olímpicas, até o mês de abril, das zonas da Barra da Tijuca e Deodoro.

Aperte o "play" para começar o vídeo:

Leia Mais ►

18/05/15

TIME DE PESO EM LOS ANGELES


O Los Angeles Football Club, time que irá ingressar na liga Norte Americana de futebol (MLS) em 2018, anunciou os planos da construção do seu próprio estádio. Orçado em 250 milhões de dólares, o estádio terá capacidade para 22.000 pessoas e também contará com um centro de convenções, restaurantes e um museu do futebol.

Se o projeto for aprovado pela prefeitura da cidade, o estádio será construído no terreno de uma antiga arena esportiva de Los Angeles. A demolição do velho equipamento e a construção do novo estádio tem previsão de duração de 2 anos. 

A obra será totalmente financiada pelos donos do novo time, que incluem,  o astro do basquete Magic Johnson; o proprietário do LA Dodgers (MLB) e do Golden State Warriors (NBA) Peter Guber; a ex-jogadora de futebol Mia Hamm e o ex jogador de baseball Nomar Garciaparra.

Leia Mais ►

16/05/15

OPINIÃO: A TEORIA DAS JANELAS QUEBRADAS SE APLICA NOS ESTÁDIOS


Os fatos ocorridos no estádio da Bombonera, no jogo Boca Juniors x River Plate, onde os jogadores do River foram agredidos com um gás tóxico na volta ao campo podem ser muito bem explicados utilizando a ciência, ou melhor, a ciência social.

Para entender os fatos iremos utilizar a Teoria das Janelas Quebradas. Essa teoria apareceu pela primeira vez em um experimento da Universidade de  Stanford, desenvolvido pelo professor Philip Zimbardo, em 1969.

O experimento consistiu em abandonar dois carros idênticos nas ruas dos Estados Unidos. Um carro foi deixado no Bronx, na época, uma zona violenta e conturbada da cidade de Nova Iorque  e o outro veículo foi abandonado em uma área nobre e tranquila da cidade de Palo Alto.  Dois carros com características idênticas abandonados em dois locais com comportamentos completamente diferentes.

O resultado do experimento foi o seguinte: o veículo largado no Bronx começou a ser destruído em poucas horas.  Pneus, rodas, motor, espelhos, volante, pedais e bancos foram roubados, o que não foi roubado foi vandalizado. Enquanto isso o carro abandonado em Palo Alto ainda se mantinha intocado.

Mas o experimento não terminou. Com o carro abandonado no Bronx totalmente vandalizado e o de Palo Alto intocado, os pesquisadores quebraram propositalmente um dos vidros do veículo de Palo Alto.  Consequência: o vidro quebrado no carro desencadeou um processo semelhante ao ocorrido no Bronx, ou seja, peças foram roubadas e o veículo vandalizado, repetindo a mesma situação ocorrida com o veículo deixado em uma área conturbada.

Desta forma ficou a pergunta: Porque o vidro quebrado no carro deixado em um bairro nobre e supostamente seguro conseguiu desencadear todo um processo criminoso? É obvio que não foi devido a insegurança do local, na verdade trata-se da psicologia humana. Um vidro quebrado em um carro abandonado passa uma imagem de desinteresse, deterioração, isto é, um objeto sem um dono. Quebrando assim códigos de ética e convivência da sociedade, dando a impressão que não existem regras e a lei está ausente. A deterioração com o vidro quebrado induz o individuo a pensar que pode fazer de tudo. Desta maneira cada nova depredação multiplica-se a impressão de ausência de lei e os atos de violência vão aumentando até se tornarem incontroláveis e irracionais.

Transportando a Teoria das Janelas Quebradas para os estádios de futebol sul americanos vemos quão falho é a gestão da segurança das nossas praças esportivas.  A percepção de abandono começa na dificuldade de acesso nas catracas, banheiros imundos, corredores depredados e pichados, assentos encardidos, bares sem higiene e a não coibição de certos comportamentos não aceitos pela sociedades fora dos estádios de futebol, tais como, consumo livre de drogas, xingamentos ofensivos, racistas e homofóbicos, se pendurar em assentos e alambrados, depredação de banheiros e assentos etc.

A gestão de segurança de um estádio de futebol deve ser feito da mesma maneira que em um shopping center, um aeroporto, uma casa de espetáculo entre outros. Primeiramente o torcedor deve ser tratado com respeito em todos os momentos, deve encontrar um local limpo e livre de depredações, pequenos delitos e mau comportamento devem ser coibidos, gritos racistas e homofóbicos não devem ser tolerados, o torcedor deve perceber que o ambiente tem normas e regras e elas devem ser cumpridas, tem que saber que eles estão sendo vigiados e condutas fora do padrão, por menor que seja, não serão toleradas.

A questão é que “consertar as janelas” é um trabalho demorado, árduo e caro. Requer a implementação e capacitação de stewards (orientadores) e seguranças privados, aplicando as regras da casa e punindo os infratores, mostrando para todos que apesar de se tratar de um estádio de futebol, o local é seguro, vigiado, possui leis e as regras devem ser cumpridas.


Como vocês podem perceber gestão de segurança de estádios vai muito além de ostensividade, truculência e punição aos infratores. O problema se trata com inteligência, conhecimento do problema e principalmente mudança do tratamento.

*Foto: Juan Mabromata / AFP

Leia Mais ►

15/05/15

ALTAS ONDAS


Um empresa Australiana chamada Surf lakes está pedindo U$500.000, via o site de financiamento coletivo Indiegogo.com, para criar uma piscina de ondas capaz de produzir até 3.000 ondas por hora. O parque de surfe será construído em Brisbane, Austrália e ficará aberto dia e noite.

A empresa afirma que com o uso de uma tecnologia inédita (com a patente ainda em aprovação), uma bomba central oscilando, seria capaz de gerar ondas de até 4 metros e tubos de 10 segundos. O desenho do fundo da  piscina, com recifes e obstáculos artificiais para as ondas, também promete criar picos com ondas perfeitas tanto para surfistas experientes quanto para os iniciantes.  

Leia Mais ►

SUÍTE COM VISTA PARA O FLA X FLU

Imagine dormir no Maracanã e acordar para assistir um Flamengo x Fluminense? Uma parceria do estádio com o site Airbnb irá proporcionar essa experiência única para um felizardo e seu acompanhante. Um dos camarotes será transformado em uma suite temática para hospedar o ganhador de uma promoção.

No dia 30 de maio, véspera do jogo, os vencedores serão recebidos pelo Renato Gaúcho para fazer um tour no Maracanã, depois serão convidados para ir ao gramado bater penalties com o ex-jogador. A promoção ainda engloba um show de música brasileira exclusivo, banhos nos vestiários e claro a hospedagem na suíte que começa na noite anterior e termina somente após o jogo (veja como participar).



*fotos - Airbnb/Divulgação
Leia Mais ►

11/05/15

HOTEL E ESTÁDIO EM ATLANTA

O Atlanta Braves, time da Major League Baseball (MLB) dos EUA, e Omni Hotels and Resorts anunciaram uma parceria para a construção de um hotel anexo ao novo estádio do time, o SunTrust Park, que será inaugurado em 2016.

O luxuoso Omni Atlanta Hotel contará com 16 andares, aproximadamente 260 quartos e suites, salões de eventos, restaurante renomado, deck da piscina elevado com vista para o estádio, academia, etc. O hotel fará parte do Distrito de Entretenimento que o time está construindo no entorno do estádio e além do hotel ainda terá lojas, bares, restaurantes e um edifício comercial que será utilizado pela gigante de mídia Comcast. 





Leia Mais ►

08/05/15

FORMULA 1 NO IRÃ


O governo do Irã anunciou que está planejando construir um circuito de Formula Um na ilha de Qeshm e promete que será um dos circuitos mais bonitos do mundo.

O anúncio acontece em um momento que a F1 aumenta a sua expansão para novos países, com o retorno do México no calendário de 2015 e a definição sobre a entrada de Baku, capital do Azerbaijão, como o GP da Europa em 2016.

Entretanto, o Irã ainda precisará vencer uma batalha para entrar no calendário da Formula 1, uma vez que, existem rumores que já possuem 21 corridas confirmadas para o calendário de 2016 e a autoridade máxima da categoria, Bernie Ecclestone, já afirmou anteriormente que o Irã não estaria no topo da lista como possibilidades para novas corridas.



Leia Mais ►

05/05/15

RESPOSTA À ALTURA

O governador de Missouri (EUA) montou uma força tarefa para apresentar o projeto de um novo estádio para o time de futebol americano St. Louis Rams. Desenhado pelo escritório HOK o estádio será construído no centro de St. Louis e contará com arquibancadas retráteis para uma melhor adaptação tanto para os jogos do Rams quanto para shows e jogos de futebol.

A apresentação do projeto é uma resposta ao dono do St. Louis Rams que recentemente anunciou um projeto para construção de um estádio em Los Angles. Uma demonstração clara que a cidade não quer perder o seu time.







Ilustrações - www.hok.com
Leia Mais ►

04/05/15

TRADIÇÃO E MODERNIDADE

A Universidade de Cincinnati (EUA) divulgou os desenhos e maiores detalhes da reforma do seu estádio, Nippert Stadium. O estádio é a casa do Bearcats, time de futebol americano da Universidade, desde 1924.

A reforma que está orçada U$ 86 milhões e tem previsão de inauguração no mês de setembro irá aumentar a capacidade do estádio de 35.000 para 40.000 pessoas além de melhorar as instalações de imprensa e hospitalidade, aumentar a quantidade de camarotes e assentos premium e reformar as lanchonetes, corredores e banheiros de todo o estádio.



Leia Mais ►

29/04/15

O NOVO DE WASHINGTON

O DC United, time da liga de futebol do EUA (MLS), é mais um clube que pretende construir o seu próprio estádio. Desenhado pelo escritório Populous, orçado em U$170 milhões o estádio terá capacidade para 22.000 pessoas.

Essa semana o clube deu um passo importante para concretizar o desejo da construção da sua casa, o Distrito de Columbia aprovou um investimento de cerca de U$100 milhões em infra estrutura, melhorias do entorno e limpeza do terreno do futuro estádio.







Leia Mais ►